Problemas na identidade visual da empresa

Certos nomes ou conceitos são às vezes complicados de se absorver. O que muitas vezes é óbvio para uns, certamente não será para outros.

O McDonald’s pode ser considerado um exemplo. Seja bom exemplo ou não.

Se você vai para uma cidade distante e não sabe onde comer, avista um McDonald’s e já sabe. Lá você terá o Big Mac do jeito que você gosta. A marca em si é inconfundível.

Mas o que fazer quando nem os funcionários respeitam as marcas e nomes dados aos produtos?

E aí o McDonald’s se torna um exemplo a não se seguir.

Certa vez, estava eu no Shopping Tamboré. Creio que era em 2005, e o Big Tasty acabara de ser lançado. Eu estava olhando para as opções de lanches e achei esse bem interessante. Uma bela novidade. Então entrei na fila já seguro do que pediria. Perto de ser atendido, comecei a ouvir seguidamente os funcionários gritando:

- Mais um Big Thirsty!

Achei mais interessante ainda. Pensei, estão fazendo toda uma nova linha, desde um novo lanche até uma nova bebida. E como será? Imaginei que fosse algo da ordem de 800 ml para matar a sede de qualquer maneira.

Então, eis que chega a minha vez de ser atendido. Falei que queria a promoção do Big Tasty, com a coca e batata-frita. Então o funcionário, com um jeito amável, repetiu o lanche já em tom de correção:

- Ah ta, um Big Thirsty.

Bom, nessa hora eu vi que a nova marca já estava no fundo do brejo.

Confusão também se vê no que é Hamburguer e Cheeseburguer.

Hoje mesmo pensei em pedir algo diferente do que simplesmente um número 1. Não queria tanta batata nem tanto refrigerante, então pensei: pego um McMenu Combinado com o McDuplo e um Hamburguer ou outro McDuplo pelo McMenu.

McMenu é uma promoção que envolve apenas um item, no meu caso, o McDuplo. McMenu combinado já possui mais itens, no meu caso, um McDuplo, batata frita e refrigerantes pequenos.

Então perguntei a atendente quanto custava o Hamburguer, para ver o que sairia mais apena. Ela perguntou aquela clássica:

- É que assim… tem com queijo e sem queijo, como você quer?

- Mas com queijo não é o Cheeseburguer?

- É.

- Então, eu estou falando do Hamburguer, sem queijo.

E então ela já registrou, mas o que eu queria saber era o preço. Depois, olhando de longe eu podia ver o preço do McMenu combinado, mas não do McMenu. Perguntei o preço e ela me passou o preço do McMenu combinado. Fui obrigado a dizer:

- Estou falando do McMenu, não o McMenu combinado.

Então, com todos os dados em mãos, fiz o meu pedido: um McMenu combinado, mais um McMenu. E para a moça entender?

Sei que no case dessas perguntas que ferem a marca dada a um produto, como é o caso da pergunta do hamburguer, isso se deve a muitos outros clientes confundirem. Tem quem peça Hamburguer e depois reclama que no McDonald’s esse produto nem tem queiro, melhor comer um X na esquina mesmo. Mas para tudo tem jeito na vida.

Já vi um caixa no McDonald’s sendo treinado, e o instrutor mostrava para ele uma tabela com diversos perfis de clientes, e como tratar.

O fato também é que de uns anos para cá, o atendimento no McDonald’s caiu muito.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>